Ir ao Topo

terça-feira, 22 de abril de 2014

4 comentários:

  1. SOBRE A PORTUGUESA:
    Enquanto o departamento jurídico da Portuguesa luta para levar o clube de volta à Série A, os jogadores tentam manter os pés no chão e se preparam para os jogos da Série B. Conformado com essa realidade, o elenco trabalha forte no dia a dia para entrar em campo e dar conta do recado.
    Por orientação do técnico Argel Fucks, os jogadores não têm falado muito a respeito do caso. O medo é que uma declaração mal colocada possa expor demais a entidade e o próprio atleta. Sincero, porém, o goleiro admitiu que não vê a hora de toda a confusão terminar:

    - Quanto mais rápido isso acabar, para nós é melhor. Esperamos que se resolva rápido, seja na A ou na B. É melhor para o elenco, comissão técnica e diretoria se nos focarmos só em entrar em campo para buscar o acesso. Isso para nós seria de primordial importância - afirmou.

    Preservado pelo clube, o técnico Argel não deu nenhuma entrevista coletiva após o abandono da partida diante do Joinville, na primeira rodada. O time volta aos treinos na tarde desta quarta-feira, no Canindé.

    ResponderExcluir
  2. SOBRE A PORTUGUESA:
    Caso decida entrar em campo no sábado, a Portuguesa pode ter mudanças para o seu segundo jogo no Campeonato Brasileiro da Série B. Recém-contratados, o lateral-direito Arnaldo, ex-Mirassol, e lateral-esquerdo Eduardo, ex-São Bernardo, aguardam apenas a regularização na CBF para ficarem à disposição do técnico Argel para o jogo. Eles treinam no CT desde segunda-feira.

    Além da dupla, Argel está atento ao departamento médico, já que pretende utilizar o atacante Caio no ataque ao lado de Vander. Nesta terça-feira, ele fez apenas trabalhos físicos em outro campo, mas deve ficar apto a tempo.

    Em contrapartida, os meias Rondinelli e Léo estão na transição e devem ficar de fora. Diego Augusto, por sua vez, está vetado da partida.

    Na estreia, a Lusa ficou em campo por apenas 17 minutos, contra o Joinville, em Santa Catarina. O time deixou o campo alegando estar respaldada por uma liminar obtida pelo torcedor Renato de Britto Azevedo na 3ª Vara Cível do Fórum Regional da Penha. Ela, porém, já foi cassada pela CBF.
    Na Arena Joinville, a Lusa entrou em campo com Gledson, Regis, Gustavo Tabalipa, Djair e Laércio; Diego Silva, Coutinho, Gabriel Xavier e Felipe Nunes; Vander e Romão. No Canindé, Arnaldo e Eduardo devem assumir as laterais. Caio ficaria com a vaga de Romão.

    ResponderExcluir
  3. SOBRE O SANTA CRUZ:
    Apresentado oficialmente no final da tarde desta quarta-feira, o novo técnico do Santa Cruz, Sérgio Guedes, apontou o acesso à Série A como a prioridade à frente do Tricolor. Mesmo ciente do mau momento da equipe, o substituto de Vica encarou com naturalidade a missão de resgatar a boa fase do time e afastar a desconfiança de parte da torcida. Apesar do atraso no voo - a chegada prevista para as 13h só ocorreu no fim da tarde - Sérgio Guedes não perdeu tempo e, já com o céu escuro, surpreendeu ao subir para o gramado e comandar o primeiro treino, por volta das 18h, minutos após o fim da primeira entrevista coletiva. Os titulares, porém, não participaram da movimentação, uma espécie de coletivo que serviu para uma primeira observação. Antes, ele conversou em separado com o goleiro Tiago Cardoso.

    - É uma satisfação imensa trabalhar em um clube como o Santa Cruz. Um clube de patrimônio forte, que tem uma força enorme vinda das arquibancadas. Eu espero inciar essa passagem aqui da melhor maneira, principalmente com o acesso à Série A.
    Depois de ter conquistado o título do Pernambucano e também da Série C, de 2013, o Santa Cruz iniciou o ano de 2014 por baixo. Foi eliminado na semifinais da Copa do Nordeste e ficou apenas na quarta colocação do Campeonato Pernambucano, após a derrota para o Salgueiro na noite da última terça-feira. Apesar do momento difícil, o técnico mostrou-se confiante em recolocar a equipe coral nos trilhos.

    De volta ao Recife
    Aos 51 anos, Sérgio Guedes é um velho conhecido da torcida pernambucana, isso porque já treinou em duas oportunidades, a equipe do Sport - em 2012 e 2013. As passagens pelo Recife, porém, ainda não foram uma unanimidade. Na primeira, o treinador começou bem, mas não conseguiu cumprir o objetivo de salvar o Leão do rebaixamento à Série B, mesmo com a resposta postiva da equipe após sua chegada. No ano seguinte, retornou ao Rubro-Negro após cumprir parte do acordo firmado anteriormento com o XV de Piraciba, mas foi demitido com a derrota na final do Pernambucano para o Santa Cruz.
    -Eu eu vou me apresentar ao torcedor no dia a dia. Não posso ficar fazendo promessas e falando de mim. As coisas vão acontecer com o passar do tempo e espero que a torcida vire ao nosso favor, porque ela é com certeza uma grande força do clube.
    Sem muito tempo para trabalhar a equipe - visto que no próximo sábado, já comanda o Tricolor diante da Portuguesa -, Sérgio Guedes afirmou que dará início o quanto antes ao trabalho de conversação com o elenco.

    - Não tem segredo. Inicialmente teremos uma conversa de motivação com todo o grupo, para me apresentar e dar uma injeção de confiança para eles. Como já enfrentei o Santa Cruz, irei dizer a eles o que eu penso sobre a equipe de maneira geral. Vai ser uma conversa olho no olho, para a gente se familiarizar o mais rápido possível, pois precisamos agregar todo mundo para chegar ao objetivo principal: o acesso.

    ResponderExcluir
  4. Procuradoria do STJD pede exclusão da Portuguesa da Série B !!!

    Equipe do Canindé pode ser punida por ter abandonado a partida contra o Joinville e ser rebaixada para a série C !!!

    A procuradoria do STJD (Superior Tribunal de Justiça Desportiva) pediu nesta sexta-feira a exclusão da Portuguesa da Série B do Campeonato Brasileiro.

    A informação foi confirmada ao ESPN.com.br pelo procurador-geral da entidade, Paulo Schmidt, que, em entrevista, já havia indicado que deveria tomar essa atitude ainda na semana passada.

    Com isso, a equipe do Canindé pode ser punida por ter abandonado a partida contra o Joinville, válida pela 1ª rodada da competição, na última sexta-feira, e ser rebaixada para a Série C.

    A Portuguesa também foi denunciado pela procuradoria nos artigos 205 e 231 do CBJD (Código Brasileiro de Justiça Desportiva), que preveem perda de pontos para o adversário, exclusão do campeonato e multa de até R$ 100 mil.

    O clube paulista foi enquadrado também no artigo 69-2 do Código Disciplinar da Fifa, que pode acarretar na exclusão da Portuguesa da Série B e no consequente rebaixamento para a terceira divisão.

    Além disso, o técnico da Lusa, Argel Fucks, o presidente Ilídio Lico e o diretor Marcos Lico (filho de Ilídio) também foram denunciados por "atuarem de forma contrária à ética desportiva e prejudicarem o Joinville e sua torcida", segundo o STJD.

    ResponderExcluir

O Aposte na Zebra agradece a sua participação: