Ir ao Topo

terça-feira, 6 de maio de 2014

3 comentários:

  1. FLAMENGO - Luiz Antonio sai na frente em briga com Everton para ser titular do Fla.

    O Flamengo observa as opções que tem para montar o meio-campo para o clássico com o Fluminense, pela quarta rodada do Campeonato Brasileiro. Em treinamento realizado nesta quinta-feira, no CT Ninho do Urubu, o treinador Jayme de Almeida deu sinais de como pretende escalar o setor. Luiz Antonio foi o escolhido para atuar ao lado de Cáceres, Márcio Araújo e Lucas Mugni.
    Nos outros setores da equipe rubro-negra, não há dúvidas. O time será formado pelos seguintes jogadores: Felipe; Léo Moura, Wallace, Samir e André Santos; Cáceres, Márcio Araújo, Luiz Antonio (Everton) e Mugni; Paulinho e Alecsandro.

    ResponderExcluir
  2. SOBRE O FLU:
    Apesar do revés na rodada passada, o Fluminense não sofrerá alterações para enfrentar o Flamengo, domingo, no Maracanã, pelo Brasileirão. Ao repetir o time das rodadas anteriores, em coletivo, na manhã desta sexta-feira, Cristóvão Borges deu atenção especial à bola parada. Foi o primeiro e, provavelmente, o último trabalho tático antes do clássico.
    Durante a semana, o treinador preferiu priorizar atividades técnicas (controle de bola e conclusões, por exemplo) e físicas. A sessão de sábado, marcada para às 9h, deve ser recreativa. Em quinto, com seis pontos, o Tricolor busca recuperação após a derrota para o Vitória no sábado passado.Antes de ensaiar cobranças com bolas levantadas à área, tanto defensiva quanto ofensivamente, Cristóvão parou o coletivo diversas vezes. Mostrou como os jogadores deveriam se posicionar em campo, especialmente o sistema defensivo. E, para evitar dar armas ao rival, impediu que a imprensa fizesse filmagem ou fotos.
    O time, então, foi a seguinte: Diego Cavalieri; Bruno, Gum, Elivelton e Carlinhos; Diguinho, Jean, Wagner e Conca; Rafael Sobis e Fred. Em nenhum momento, o treinador fez substituição. O treino demorou cerca de uma hora.
    Três jogadores não treinaram. Valencia ficou na academia em trabalho de reforço muscular. Marcos Junior se recupera de lesão na coxa esquerda. E, com febre, Willian foi poupado.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. O Fluminense passou por mudanças no comando do futebol justamente na semana do clássico contra o Flamengo. Além disso, precisa buscar a recuperação no Brasileirão após a derrota para o Vitória. Nada, porém, tira a tranquilidade de Cristóvão Borges. Ao minimizar o lado político e reafirmar que o trabalho está no caminho certo, o treinador confia em um grande jogo no domingo. E, claro, espera sair vitorioso.
      Na quarta-feira, o clube anunciou a saída de Ricardo Tenório, homem que comandava o futebol desde janeiro. Mário Bittencourt, diretor jurídico, assumiu o posto. Além dele, Paulo Angioni foi contratado para ser o executivo de futebol. Algo considerado normal por Cristóvão:
      - A comissão técnica não vai mudar nada. Vamos fazer as mesmas coisas. Com o Tenório, tive relação muito boa em pouco mais de um mês. Falamos bastante. As pessoas que estão entrando... conheço o Angioni, trabalhamos muito tempo juntos. O Mário conheci aqui. E o via de fora, defendo o clube nos tribunais. Não vejo problema. É difícil falar qualquer coisa, tem de esperar, vamos trabalhar juntos para o bem do clube.
      Em quinto lugar no Brasileirão, com seis pontos, o Tricolor perdeu a liderança após ser derrotado para o Vitória, uma partida na qual a marcação foi forte sobre os principais jogadores. Agora, contra um rival do mesmo peso, Cristóvão espera ter mais espaços.
      - Não tenho dúvida de que será um grande jogo. O adversário é do mesmo nível. Viemos de um insucesso, mas estamos tranquilos pois temos a convicção do que estamos fazendo. Apesar da derrota, jogamos de forma ofensiva. É dessa maneira que eu quero. Foi uma infelicidade, o campeonato é assim, é duro, mas vamos continuar jogando em busca do gol. Os adversários, claro, quando nos enfrentam, têm uma preocupação muito grande com a defesa, a gente percebe. Mas quando o rival é um Flamengo, um time grande, que tem a obrigação com a vitória, isso faz com que o jogo seja igual – comparou o treinador.
      O Flu volta a treinar na manhã deste sábado. O trabalho está marcado para às 9h.

      Excluir

O Aposte na Zebra agradece a sua participação: